Os aplicativos já são aliados da organização e produtividade em diversos aspectos. Alguns deles ajudam na organização financeira e controle do orçamento. Confira abaixo 8 das melhores plataformas dessa categoria para manter as contas no azul:

• NuBank

NuBank é uma das fintechs mais famosas do Brasil. A história começa com o anúncio do primeiro produto em 2014: um cartão de crédito com a bandeira da Mastercard sem anuidade totalmente controlado pelo smartphone. Hoje, o NuBank é o maior banco digital independente do mundo e conta com mais de 20 milhões de clientes em todos os 5.570 municípios do Brasil.

• Mobills

Mobills é uma plataforma completa para gestão de finanças pessoais. Com o objetivo de auxiliar os brasileiros a terem uma vida financeira mais saudável, o aplicativo realiza uma análise completa sobre ganhos e gastos em um layout visual com gráficos e porcentagem, centraliza informações sobre contas, cartões, investimentos, despesas e rendas e permite cadastrar objetivos financeiros de curto, médio e longo prazo. A plataforma já tem mais de oito milhões de downloads. Além disso, a assinatura da versão Premium da Mobills tem um valor anual de R$ 99,90 e a plataforma oferece um período de 7 dias gratuitos para teste.

• PicPay

PicPay é um aplicativo disponível para download em celulares Android e iPhone (iOS) que funciona como um super app de pagamentos. Além de fazer pagamento, transferências e armazenar o dinheiro dos usuários, a plataforma oferece serviços como recarga de celular e cartão transporte, crédito para jogos, pagamento de boletos e de contas. Neste mês, o PicPay passou a oferecer crédito pessoal na sua plataforma com o objetivo de se consolidar como um marketplace financeiro.

• Méliuz

Lançado em 2011, o Méliuz é uma empresa que devolve ao consumidor, em dinheiro, parte do valor das compras em mais de 1600 lojas físicas e online do Brasil (cashback). O serviço é totalmente gratuito para os clientes. A proposta é simples: as lojas pagam para anunciar no site e no app do Méliuz e a empresa devolve ao cliente, em dinheiro, parte desse valor. Assim, as lojas incentivam as vendas e os consumidores recebem vantagens em todas as compras. A empresa já devolveu mais de R$ 100 milhões aos usuários.

• Magnetis

Magnetis é a primeira fintech de investimentos do Brasil. Desde 2015, ajuda pessoas a investirem melhor. A empresa é regulada por instituições sólidas para atuar como um guia financeiro, ajudando as pessoas a atingirem seus objetivos com segurança. A fintech possui um algoritmo que entende o planejamento e perfil de cada usuário, faz uma pesquisa em mais de 20 mil ativos para montar uma carteira exclusiva e ideal para cada cliente.

• QuiteJá

QuiteJá é uma plataforma 100% digital de recuperação de crédito que tem como objetivo tornar a relação entre credor e devedor mais dinâmica e saudável. Oferece suporte durante todo o processo de pagamento, apresentando oportunidades e planos de negociação e sugerindo descontos que beneficiem todos os envolvidos. Criada em 2016 e com atuação nacional, a empresa já ajudou mais de 600 mil brasileiros a regularizarem os seus débitos.

• Easynvest

Easynvest, corretora independente, possui um aplicativo para investimentos com uma interface simples e acessível. Com o objetivo de ser uma porta de entrada para o mundo dos investimentos, a Easynvest é líder em Tesouro Direto, tem mais de 300 produtos financeiros, entre Renda Fixa e Renda Variável, atende todos os públicos, desde quem investe pela primeira vez até quem já é bem experiente.

• MobillsEdu

O MobillsEdu, disponível para Android iOS , é um aplicativo de educação financeira totalmente gratuito que conta com lições sobre o tema que podem ser estudadas e resolvidas em no máximo cinco minutos, em qualquer lugar e até mesmo offline. A plataforma também possui ferramentas para facilitar o dia a dia no planejamento financeiro. Entre elas estão as calculadoras de juros simples e compostos, que além dos cálculos, mostram em detalhes o valor inicial e os juros que incidiram sobre ele; e a calculadora de salário líquido, que mostra em detalhes todo o cálculo do salário em regime de CLT, descontando todos os impostos trabalhistas que incidem sobre o salário.