Com uma atmosfera nostálgica, transmitindo o aconchego que predomina no bairro histórico da capital, os moradores do Residencial Pátio Coimbra celebram a entrega do empreendimento, que leva a assinatura das empresas GPL Incorporadora, Cabral Empreendimentos e GO Urbanismo.

Fundada nos anos de 1930, Goiânia foi uma das primeiras cidades planejadas do Brasil. Nascida sob essa marca da modernidade, o autor de seu traçado urbano, o arquiteto Attilio Corrêa Lima, elegeu o Art Déco como o estilo arquitetônico oficial das edificações da nova capital. Ainda hoje, a cidade reúne um dos maiores e mais representativos acervos do mundo desse famoso padrão arquitetônico.

Neste mês do aniversário de Goiânia, um novo empreendimento residencial entregue no último dia 20, no Setor Coimbra, resgata as linhas circulares, as retas estilizadas, o uso de formas geométricas compondo designs abstratos, que são características típicas do estilo Art Déco. Com 32 pavimentos e 98 metros de altura, o Residencial Pátio Coimbra foi desenvolvido e construído pela GPL Incorporadora, com a participação da Cabral Empreendimentos e GO Urbanismo. O ar nostálgico do novo empreendimento inspirou o café da manhã festivo marcando a entrega oficial da edificação. Cadeiras de balanço, xícaras da década de 1950 e atores caracterizados fizeram parte da decoração do evento.

Para embalar os convidados, os anfitriões trouxeram o cantor Walter Carvalho que interpretou, em versão acústica, vários sucessos da MPB e do samba de raiz. A proprietária Irene Silva gostou: “O evento está ótimo. Um clima legal, música boa. É muito bom para comemorar esse momento”, disse a condômina.

Localização

O coordenador administrativo e financeiro da GPL Incorporadora, Rogério Rodrigues, explica que o empreendimento, por sua localização, permite aos moradores acessar o prédio por vias estratégicas da cidade, sem perder tempo em congestionamentos. “Esse é um dos diferenciais do Pátio Coimbra: essa facilidade para entrar e sair. De fato, o edifício tem uma localização privilegiada”, acrescenta Rogério. O empreendimento fica a 500 metros da Avenida Anhanguera e a 350 metros da Avenida Castelo Branco, duas das principais vias de Goiânia.

O proprietário Augusto Borges, que mora no Setor Coimbra há 60 anos, ressalta que as linhas Art Déco do Pátio Coimbra lhe trazem boas lembranças da época que em chegou à capital vindo de Buriti Alegre, em 1957. “Aqui mesmo, nesse lote no Pátio Coimbra, funcionava o Goiânia Tênis Clube, onde eu vinha para jogar futsal. São tempos muito bons”, recorda o aposentado. A torre única do Pátio Coimbra fica na Rua 220 e possui 29 andares. São oito apartamentos por andar, sendo quatro deles de 3 quartos e mais quatro de 2 quartos. O residencial conta ainda com lazer completo e duas salas comerciais.