Em tempos de altas temperaturas e baixa umidade do ar, comparáveis a ambientes desérticos, áreas arborizadas em grandes cidades como Goiânia são verdadeiros oásis verdes. Mais do que embelezar praças, parques ou mesmo os quintais das casas, as árvores no meio urbano trazem inúmeros benefícios. Elas, por exemplo, absorvem o gás carbônico (CO2) e liberam oxigênio, melhoram a qualidade e umidade do ar, amenizam o calor com suas sombras e ao capturar o CO2 e liberar o vapor de água.

Uma pesquisa realizada pelo U.S. Forest Services (órgão semelhante ao Serviço Florestal Brasileiro) em 1.296 municípios norte-americanos revelou uma relação direta entre uma menor quantidade de árvores e a maior ocorrência de doenças respiratórias e cardiovasculares, isso porque elas têm um relevante papel no controle da qualidade do ar que respiramos.

Segundo a analista ambiental Patrícia Afonso, uma árvore no quintal ou em frente a uma casa já faz uma grande diferença . “Uma única árvore, por exemplo, é capaz de diminuir a temperatura local, reduzir ruídos externos, umidificar o ar, além de produzir frutos e flores, dependendo da espécie”, afirma. Então, se uma única árvore pode trazer todos esses benefícios, imagine 1 milhão e 400 mil mudas plantadas. Pois essa é a quantidade de espécies que foram doadas e plantadas pela MRV ao longo de nove anos de ações de responsabilidade social e ambiental. As mudas plantadas nas mais de 120 cidades de diversas regiões do Brasil representam cerca de 550.000 mil toneladas de CO2 removidas da atmosfera. Patrícia, que é  analista ambiental da construtora em Goiânia e no Distrito Federal, acompanha essas iniciativas promovidas pela empresa em diversas parte do Brasil, em Goiás inclusive, onde já foram plantadas cerca de 9 mil árvores, só em 2019.

Escolas

O plantio de mudas na vizinhança dos empreendimentos da MRV ou em áreas degradadas em cidades onde atua, fazem parte das diretrizes de sustentabilidade da Empresa adotadas há quase uma década. Ainda conforme suas diretrizes ambientais e sociais, a construtora, a maior da América Latina, também promove ações educativas em escolas.

“Sempre que possível, buscamos realizar projetos no espaço escolar, pois é um local adequado para a aprendizagem e disseminação de conhecimentos sobre o meio ambiente. Além de contribuir positivamente para a formação de indivíduos mais conscientes de seu papel para a preservação ambiental”, destaca Patrícia Afonso, que ainda completa: “O plantio de árvores, é apenas um dos inúmeros projetos e ações da MRV para manter o seu compromisso público com o desenvolvimento sustentável e consequentemente com a saúde e bem-estar das comunidades onde estão seus empreendimentos.”

Uma das unidades de ensino em Goiás que já receberam ações ambientais promovidas pela MRV é a Escola Municipal Senador Albino, no Jardim Maria Inês, em Aparecida de Goiânia, onde, com a ajuda dos alunos, foram plantadas  em julho de 2017 dez mudas de árvores nativas do cerrado.

Segundo a diretora da escola, Cristiene Borges Alvez Macedo, hoje as mudas já estão crescidas, com quase dois metros de altura, e contribuem diretamente para as aulas ministradas fora da sala da aula. “Eu acho ótimo iniciativas como essas. Nós trabalhamos diariamente essas questões de meio ambiente com nossos alunos, que aprendem a zelar pelas espécies vegetais. Agora a nossa expectativa é pelas sombras que serão bem-vindas quando essas árvores crescerem ainda mais”, revela a diretora.

Sobre a MRV
Fundada em outubro de 1979, em Belo Horizonte, a MRV é a maior construtora residencial da América Latina e líder nacional no mercado de imóveis econômicos. Presente em mais de 160 cidades de 22 Estados e no Distrito Federal, a companhia tem como compromisso contribuir para o desenvolvimento e transformação social investindo nas comunidades onde atua, melhorando a qualidade de vida de seus habitantes. Somente nos últimos três anos, investiu mais de meio bilhão de reais em obras de infraestrutura, com a construção de parques, praças, escolas, creches, Unidades Básicas de Saúde, Estações de Tratamento de Esgoto, obras viárias, entre outros.