Dudalina em Goiás

1384

Goiânia, 12 de setembro de 2016 – A rede de varejo Restoque SA Comércio e Distribuição de Roupas anunciou a implantação de centro de distribuição e de unidade de produção em Goiás. A Restoque é proprietária das marcas de alto padrão como Dudalina e Le Lis Blanc, e detém os direitos de comercialização da Bobô, da Rosa Chá e da JohnJohn.

os executivos da rede se reunirão com o governador Marconi Perillo no Palácio das Esmeraldas, na manhã desta segunda-feira (12/9), para tratar da implantação.

O CEO-presidente da Restoque, Paulo José Marques Soares, afirmou ao Governador Marconi que a empresa fará os investimentos em duas etapas. Na primeira, com início imediato, a Restoque investirá R$ 3 milhões na implantação de unidade de distribuição, que será instalada no Distrito Industrial de Aparecida de Goiânia, com geração de 205 empregos diretos.

Aldiencia com Empresarios da Dudalina fotos Eduardo Ferreira

A segunda etapa do investimento da Restoque, relatou o CEO ao governador, estabelece a construção de unidade de produção das marcas. Soares afirmou que a empresa já está em busca da área para a construção da indústria. A previsão é que a unidade gere mais 250 empregos diretos. A Restoque ainda não informou quanto vai investir no empreendimento.

Em 2015, a receita bruta de vendas da Restoque foi de R$ 1,67 bilhão. A empresa tem cerca de 330 lojas próprias e 24 franquias.

Marconi afirmou que a equipe da Secretaria de Desenvolvimento Econômico está à disposição da empresa para as orientações necessárias para a efetivação dos investimentos, que serão celebrados em um protocolo de intenções que será assinado entre a Restoque o Governo de Goiás. O governador agradeceu a decisão da empresa em realizar seus investimentos no Estado, que “representarão mais empregos, mais desenvolvimento e o fortalecimento da cadeia de confecções de Goiás, estratégica para a economia de Goiás”.

O CEO-presidente da Restoque afirmou que a preferência por Goiás é resultado não apenas da localização e da importância do mercado goiano, mas também porque o Governo do Estado oferece a segurança jurídica e os incentivos imprescindíveis para os investimentos e para o sucesso do empreendimento.

Fonte: Governo de Goiás