Um complexo com 800 metros quadrados vai abrigar Arena (espaço para realização de eventos e competições), Game Center (centro com equipamentos, conexão de alta velocidade e jogos aberto aos visitantes), Academy (centro de formação de atletas) e Centro de Treinamento para times profissionais de esportes eletrônicos. A Orbi Gaming, iniciativa de um grupo de empresários locais, será a segunda do segmento no Brasil e a primeira na região Centro Norte.

O espaço será também a casa da Rensga Esports, equipe goiana de League of Legends que disputou o Circuito Desafiante em 2019 e já se prepara para a temporada 2020.

A inauguração está prevista para Dezembro.

Sobre a Go Gaming:
A holding formada por empresários goianos de diversos segmentos quer descentralizar do eixo Rio-São Paulo os esports. O primeiro produto desta empreitada foi a Rensga Esports que participou do Circuito Desafiante de LoL em 2019 e, mesmo sem conquistar a vaga no CBLoL chamou a atenção pelo nome e pelo jeito irreverente tipicamente goiano. O segundo passo será dado em breve com a Orbi Gaming, 1ª complexo de esports do Centro Norte e o 2º maior do Brasil, que será localizado em Goiânia.