Capacitar profissionais, garantindo com que Goiás tenha especialistas qualificados nas mais diversas áreas. Com esse objetivo o governador Ronaldo Caiado lançou, nesta quinta-feira (19/9), uma iniciativa inédita no Estado, que é o programa Trainee da Gestão Pública. Na mesma solenidade, realizada no auditório Mauro Borges, anunciou convênios com instituições de ensino superior para seleção de estagiários e apresentou o projeto Movendo Líderes, voltado para a capacitação de servidores públicos. As ações são desenvolvidas pela Secretaria de Estado da Administração (Sead).
Dentro do Programa Estagiários, o Governo de Goiás irá firmar parceria com 36 universidades ou faculdades para que façam a seleção dos estudantes para atuação na administração pública. O edital será publicado na sexta-feira (20), com 900 vagas disponíveis. Ofertar essa oportunidade fez o governador se lembrar de quando era universitário e buscava espaço no mercado de trabalho. “Esse projeto me alegra muito”, resumiu. “É uma maneira de nós interligarmos o Estado de Goiás com os jovens que estarão amanhã na demanda de empregos.”
Titular da Sead, Bruno D’Abadia informou que se trata do maior programa de estágios do Estado. “Nenhuma instituição pública ou privada é capaz de dar tanto acesso ao emprego e ao conhecimento quanto o Estado de Goiás”, garantiu. O secretário explicou que o programa foi reformulado e que oferecerá a jovens motivados aprendizagem e crescimento profissional, além da oportunidade de participar do processo de transformação pela qual Goiás atravessa.
Trainees da Gestão Pública
Já o programa de trainee é voltado para jovens que desejam fazer a diferença na gestão pública do Estado. Nesta primeira etapa, serão ofertadas 100 vagas para recém-formados que tenham interesse em atuar no serviço público. “Todo jovem quando sai da faculdade, sai com a carência enorme de poder transformar a teoria na prática”, salientou o governador, afirmando que a ação servirá como uma espécie de “pós-graduação”, já que o novo profissional vai aplicar seus conhecimentos no dia-a-dia.
Caiado ressaltou que o programa de trainee é uma mão de via dupla. Além de beneficiar os jovens, acrescenta ao Estado, já que a máquina pública passa a identificar as profissionais com aptidão e vocação. “Essas pessoas amanhã vão fazer concursos e estarão aptas a ocuparem cargos dentro da estrutura de governo. Precisamos formar pessoas, especializar.”
Bruno D’Abadia disse que o processo seletivo será por ampla concorrência, com inovações que permitam levar para a administração pública talentos com perfil adequado às premissas do programa. O edital do processo seletivo também será publicado nesta sexta-feira, no Diário Oficial e no site da Escola de Governo. A seleção contemplará quatro etapas: análise curricular, mini bio com vídeo de apresentação, estudo de caso e entrevista profissional.
Movendo Líderes
A terceira ação lançada nesta quinta-feira é voltada aos servidores do Estado que exerçam funções de liderança no Estado. “A Escola de Governo montou um programa de capacitação de alto nível para ajudá-los a se capacitar nas áreas de comunicação, liderança, gestão de conflitos, inovação”, resumiu o titular da Sead. O programa tem a proposta de aliar teoria e prática, com estratégias ativas de aprendizagem, para desenvolver um novo perfil de líder compatível com as necessidades atuais do serviço público.
Inicialmente serão oferecidos cinco cursos que contemplam os principais temas referentes à construção de uma liderança eficaz: estratégias de liderança, tomada de decisão, construção de equipes produtivas, mudança cultural e comunicação mais assertiva. As inscrições serão realizadas no site da Escola de Governo (www.escoladegoverno.go.gov.br) a partir do dia 25 de setembro.
As novidades integram o Programa Move Goiás, instituído pela Sead em julho de 2019, que tem o objetivo de implantar, no âmbito da administração pública estadual, políticas públicas e ações efetivas na área de gestão de pessoas. Com o programa, o Governo de Goiás quer atrair novos talentos e valorizar os servidores públicos, com promoções, qualificações para que a prestação de serviços públicos seja realizada com foco no cidadão.
Estiveram presentes os secretários de Estado Wilder Morais (Indústria, Comércio e Serviços), Valéria Torres (Comunicação) e Edival Lourenço (Cultura); o diretor-geral da Administração Penitenciária, coronel Wellington Urzêda; o presidente do Codego, Pedro Sales; o presidente do Sindicato das Entidades Mantenedoras de Educação Superior, Jorge de Jesus Bernardo; o reitor da Unievangélica, professor Carlos Mendes; além de representantes das instituições de ensino da UFG, PUC Goiás, Faculdade Evangélica de Jaraguá, Facmais, FUG, Ipog, Itego Basileu França, Faculdade Padrão, Unialfa, Faculdade Anhanguera e Facunicamps.