A Selvática #4 – Brasil Mestiço convida para uma tarde de muita música, com as gatas garotas do M’bandi e discotecagem das maravilhosas Gabi Matos e Eloah, em um dia de calor e piscininha, amor! Neste domingo (29|09), a partir das 16h, o Ozz vai ferver com muita brazucagem de música brasileira feminina e feminista, e do tradicional samba gostoso pra acalentar os corações.  É amor, gritaria e bruxaria!

Tudo começou como uma ideia da DJ Gabi Matos, vinda de conversas com várias DJs de Goiânia, sobre a falta de um espaço e uma festa, onde somente mulheres se apresentariam. “Primeiro era um grupo de whatsapp para marcarmos um rolê, que fosse festa e encontro, da gente pra gente, porque queríamos também compartilhar informações e pesquisas musicais”, conta.

O nome “Selvática” é uma homenagem ao álbum da Karina Buhr. Normalmente são feitos dois tipos de edição: uma só com discotecagem e sem estilo musical definido, ou, uma festa mais temática. A edição Brasil Mestiço também se inspira no nome de álbum, desta vez da rainha, Clara Nunes, e é a primeira edição que conta com uma banda: a M’bandi. “Normalmente faço a produção das festas, marco algumas datas em lugares que gostamos de tocar, vemos quem pode tocar no dia e fica marcada a nossa baguncinha feminista, feminina e com a gente comandando o rolê”.

A banda convidada, a M’bandi é provavelmente a primeira de samba de Goiás que nasceu com o intuito de fazer ecoar prioritariamente vozes femininas, grandes sambistas que compuseram ou consagraram músicas que merecem ser mais ouvidas. Mulheres como Leci Brandão, Clara Nunes, Glória Bonfim, Elza Soares e muitas outras fazem parte do repertório, além de composições próprias e da Vó Caju, avó da Marina Duarte, uma das integrantes. A escalação fica com Anna Dendê (ganzá, tamborim e agogô), Evelin Cristina (reco reco), Janaina Lee (pandeiro), Marina Beat (ganzá, abê e tamborim), Letícia Betarello (surdo e djambê) e Rebeca Barbosa (violão e cavaquinho).

Gabi Matos conclui que em Goiânia “o meio musical ainda é machista, os produtores não pensam muito e não veem importância na produção de festas com uma diversidade de gênero e raça. É gente abrindo nosso próprio caminho e espaço”.

Selvática #04 Brasil Mestiço

Piscininha, cerveja de garrafa, Clara Nunes, samba e música brasileira a festa toda e fuleragi

Show

M’bandi @mbadisamba

 

DJs

Eloah @porraeloah

Gabi Matos @matomaiscedo

 

Quando

Domingo – 29 de setembro

 

Que horas

16h

 

Quanto

$5 até 19h

$10 das 19h às 20h

$15 após 20h

 

Onde

Ozz (Rua 121, nº 126, Setor Sul, Goiânia) – @ozzgoiania