As roupas mais uma vez lideram a preferência dos filhos em Goiânia na hora de escolher o presente para o próximo Dia das Mães. De acordo com a Pesquisa de Intenção de Compras encomendada pela Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) de Goiânia para a data, 43,5% dos entrevistados informaram que os itens de vestuário são a primeira opção para se presentear a mamãe no próximo 12 de maio, seguido dos produtos de Perfumaria (21%) e Calçados (16,7%). Ainda segundo o levantamento,  o ticket médio para as compras referente à data é de R$ 191, 59.

Mas por menos de R$ 100 é possível montar um look completo para presentear no Dia das Mães. É o que garante os lojistas do Estação da Moda Shopping, que está localizado na Região da 44 em Goiânia, maior polo de confecção e moda do Centro-Oeste e o segundo maior do Brasil. O centro de compras, especializado em vendas de atacado, costuma receber um fluxo forte também de compradores do varejo em épocas como o Dia das Mães e Natal.

De acordo com Fabiana Santos, que tem uma loja dentro do Estação da Moda, com R$ 100 ou menos é possível deixar a mamãe bem vestida dos pés à cabeça.  “Aqui na loja por exemplo dá para montar um look bem despojado com uma calça capri (R$ 40) com uma jaqueta jeans com mangas de moletom (R$ 40) o que dar um valor de R$ 80,00 sobra ainda R$ 20,00 que podem ser investidos num acessório, como um conjunto de brincos com colar. Uma composição que vai cair bem neste período de inverno que se aproxima no Estado”, sugere a lojista.

“Com uma boa pesquisa e antecipação é possível montar mais looks para presentear por um valor ainda mais acessível”, diz Fabiana, destacando que a peça mais procurada pelo público feminino tem sido a bermuda jamp destroyd. “As mulheres adoram a modelagem dessa bermuda, que é muito procurada, todas elogiam muito”, destaca.

Boa expectativa
Em sua loja, Fabiana Santos vende no atacado e varejo e espera para a próxima semana um bom movimento. Segundo a lojista, as vendas no atacado da marca nessas semanas que antecedem o Dia das Mães tiveram um aumento de 40% em 2019 com relação ao mesmo período do ano passado. Ela diz que tem usado as redes sociais para alavancar ainda mais suas vendas.

“No atacado já tive bastante aumento, porque atendo clientes pelo Instagram da loja”, afirma Fabiana que tem entre seu público principal sacoleiras de fora do Estado. “Temos clientes em Minas Gerais, São Paulo, Tocantins e até na Argentina”, enumera. A lojista estima que no final de semana que antecede o Dia das Mães o movimento seja intensificado, principalmente pelos compradores de varejo, que vêm aproveitar o preço mais em com na Região da 44.