Depois de um ano quase sabático em se tratando de novas produções, estreia no próximo dia 19 de janeiro a nova dramaturgia da Record: a novela Gênesis, que chega com expectativa de grande produção e um elenco com mais de 200 pessoas. Entre eles o jovem e promissor ator goiano Thiago Cozzatto, que começou fazendo figuração na novela Araguaia, da Rede Globo, quando chamou atenção do diretor Edgard Miranda.

No total, a trama possui sete fases: Jardim do Éden, Arca de Noé, Torre de Babel – quando Thiago entra em cena -, Ur dos caldeus, jornada de Abraão, Jacó e José do Egito. Segundo ele, no início Hakan, que se chama Marcos na infância, é um rapaz bondoso que foi humilhado e escravizado por uma família adotiva, e ao descobrir suas origens parte em busca de vingança.

 

Thiago está passando uma temporada em Goiânia (GO) enquanto as gravações não são retomadas. Ele vive Hakan, um viking inspirado nos revoltosos da era da Torre de Babel, apresentado em duas fases: criança, interpretado pelo ator mirim Gianlucca Mauad, e adulta, mais complexa e quando se torna um vilão ao recontar a história do Pecado de Acã.